BELÉM/PA – SET/2017

Saímos de São Luís-MA (post anterior), e dirigi praticamente o dia todo. Paramos só pra abastecer e ir no banheiro. Chegamos em Belém às 21h. Assim como em São Luís, ficamos hospedados  sistema Couchsurfing.

Em Belém e Ilha do Marajó, gostamos tanto que ficamos até mais que o planejado. Na verdade, Belém era talvez a capital que mais quiséssemos conhecer. Vamos em frente!

Paramos na casa da Ellen (nossa anfitriã Couchsurfing), esperamos um pouco, e logo ela chegou. Muito gente boa, nos recebeu como se fôssemos da família. Conversamos bastante, ela deu muitas dicas de passeio. Tomamos banho, e cama!

Acordamos, tomamos café com a Ellen, e saímos de carro. Procuramos Insulina Humalog para comprar (estava acabando de novo) em umas 4 farmácias. Finalmente achamos. Fomos para o centro histórico. Vimos uma igreja enorme (São Francisco Xavier) e o Museu de Arte Sacra.

IMG_8153
Igreja de São Francisco Xavier
IMG_8167
Maravilhosa, toda de madeira entalhada
IMG_8169
Museu de Arte Sacra

Visitamos o Forte do Presépio, super interessante, com um museu no interior, e também o Palacete das Onze Janelas.

IMG_8229
Forte do Presépio
IMG_8205
Canhões 80mm do forte
IMG_8212
Do forte, é possível ver o Mercado Ver-o-Peso
IMG_8194
Museu dentro do forte
IMG_8193
Vários artefatos indígenas encontrados no local
IMG_8227
Palacete das Onze Janelas

Chegamos ao Mercado Ver-o-Peso por volta das 11h. Um dos locais mais esperados do passeio. Amamos o mercado! Muito interessante, muito diferente! Frutas, carnes, peixes, farinhas, perfumes… (gostamos tanto que fizemos este vídeo). O prédio mais conhecido é o azul, com as torres laterais (onde vende peixe e frutos do mar). Também tem um prédio verde, de estruturas metálicas (vende carnes), e mais uma infinidade de barracas e quiosques. Um mercado com uma cultura legal demais que praticamente não conhecemos no sudeste!

IMG_8203
Mercado Ver-o-Peso (prédio azul)
IMG_8232
Muitos barcos, muita gente
IMG_8235
Prédio mais famoso de vários que compõem o mercado
IMG_8265
Mercado de carnes
IMG_8240
Perfumes, plantas… e Frango!
IMG_8253
Camarão seco
IMG_8254
Pirarucu seco e salgado (tipo bacalhau)
IMG_8287
Infinitos tipos de farinha

Ainda no Ver-o-Peso, a almoçamos açaí com pirarucu frito. Muito bom. O açaí lá, é bem diferente do que conhecíamos até então. Eles tiram só a polpa do açaí, não misturam com nada (nem açúcar, muito menos guaraná, banana ou granola). Só a polpa. Pura e consistente. É o acompanhamento do peixe e farinha! Aliás, comemos porção para 1 pessoa e ficamos satisfeitos – sustenta demais. Depois do almoço, compramos cachaça com jambu (planta muito usada no Pará, que adormece a boca), farinhas, polpa de fruta, passeamos muito por lá.

IMG_8279
Açaí fresco
IMG_8280
Tirando a polpa do açaí nas máquinas
IMG_8259
E o almoço: açaí, farinha de tapioca e peixe frito!

À tarde visitamos o Mangal das Garças, um parque cheio de animais soltos. Guarás, garças, iguanas… Também fomos a um mirante muito bonito. Outro passeio bem legal.

IMG_8330
Mangal das Garças
IMG_8318
Iguanas, aos montes
IMG_8333
Guará
IMG_8338
Garça
IMG_8342
Flamingos
IMG_8350
Estaleiro – ou mirante, sobre o rio

De lá fomos para a Estação das Docas, onde atualmente funciona um shopping em frente ao rio. Antigamente o local era galpões dos portos de Belém. Na beira do rio, tem uns guindastes amarelos, muito famosos, símbolos da cidade. Lá na estação também ocorrem muitas manifestações culturais. Fomos no quiosque da Sorveteria Cairu, que tem sorvetes deliciosos de frutos da Amazônia. Tomei sorvete de bacuri. Sem dúvida, o melhor sorvete que já tomei!

IMG_8362
Estação das Docas
IMG_8368
Os famosos guindastes amarelos
IMG_8403
Apresentação de dança indígena

Já no finalzinho da tarde, conforme tínhamos combinado, a Ellen nos encontrou na Estação das Docas, e conversamos bastante, tomamos uns chopes e cervejas artesanais, com frutas da Amazônia (lá funciona a cervejaria Amazon Beer), e também comemos uma porção de pastel de tacacá.

IMG_8374
Cervejaria Amazon Beer

À noite, na estação, vimos um apresentação de carimbó muito legal, e voltamos pra casa dela. Jantamos. Mexi no no blog, banho e cama!

IMG_8418
E uma fotinho com a dançarina de carimbó!

Acordamos, tomamos café da manhã, ficamos conversando com a Ellen até umas 9h, ela nos deu a dica para irmos passar a tarde na Ilha de Cotijuba. Como ainda estava um pouco cedo, fomos comprar tucupi e peixe para o jantar nas barracas e mercadinhos da redondeza, pegamos o carro e então fomos até o embarque para a Ilha de Cotijuba. Andamos um pouco pela orla, e embarcamos. Meia hora no barco escutando  arrocha e brega (bem comum por lá, rs), mas com uma paisagem linda.

IMG_8432

Nota: No Pará, se você ver algum vendedor ambulante com uma caixa de isopor escrito CHOPP, não se iluda. Não é o chopp (chope, cerveja) que conhecemos. O “chopp” que eles vendem por lá, é aquele saquinho de suco congelado, que conhecemos como “geladinho”, “jujuba”, “gelinho”, “dindin”… Ok?

IMG_8445
Amazônia que imaginávamos…
IMG_8448.jpg
Árvores legais

Chegamos, pegamos um moto táxi (sim, UM moto-táxi. Ele guiando, eu e a Mi na garupa da mesma CG 125). Depois de uns 20 minutos de sufoco em cima de 1/3 de moto, chegamos na praia do “Vai Quem Quer”, de rio, com água calma e morna. Muito bom. Almoçamos um PF, e ficamos na água mais um bom tempo relaxando.

IMG_8460
Desembarque
IMG_8464
Praia do “Vai Quem Quer”
IMG_8467
Todo mundo curtindo, praia de rio!

Começamos então a voltar para o píer a pé (9km) pela estradinha de terra. Andamos pouco mais de uma hora, e vimos que não iria dar tempo de pegar o barco. Então pegamos um outro moto táxi (novamente, 3 pessoas em uma moto), e chegamos no píer . Esperamos uma pouco e embarcamos. Chegamos à noite na Ellen. A Mi fez o peixe no tucupi (um caldo amarelo vendido por lá, feito com mandioca), eu comprei umas cervejas, tudo muito bom. Jantamos, conversamos, banho e cama.

IMG_8489
No porto, barcos chegando com açaí
IMG_8493
Tucupi

No dia seguinte (domingo) acordamos, tomamos café, e fomos com a Ellen para o centro histórico de Belém. Visitamos a Praça da República, muitas barraquinhas de artesanato e comida, umas árvores gigantes (nativas da Amazônia, chamadas sumaúmas), coretos e construções históricas.

IMG_8500
Praça da República
IMG_8497
Sumaúma
IMG_8499
Coretos
IMG_8561
Lagos, coretos, e um monte de gente, rs

Fomos também ao Teatro da Paz, onde fizemos uma visita guiada. Prédio lindo, muito interessante. Da época do ciclo da borracha, muito luxuoso (assim como o teatro de Manaus), passeio muito interessante.

IMG_8510
Teatro da Paz
IMG_8551
Gigantesco, com um monte de camarotes
IMG_8514
Olha a ostentação do lustre…

Passamos em um supermercado, compramos coisinhas, maniçoba (uma espécie de feijoada feita com folhas de mandioca cozida ao invés de feijão) e fomos pra casa, e almoçamos (a maniçoba é muito boa!).

IMG_8564
Maniçoba

A Ellen saiu, e eu e a Mi fomos novamente no Mercado Ver-o-Peso, e depois no porto para ver o preço e horário do barco pra Ilha de Marajó. Voltamos pra casa. Tomamos banho e fomos com a Ellen para uma apresentação de carimbó numa festa se igreja perto da casa dela. Ainda fomos tomar tacacá numa banquinha. Top!

IMG_8572
Carimbó na festa

Depois a Ellen ainda nos levou a gente num bar de carimbó muito legal. Música ao vivo e a galera muito animada. Um amigo da Ellen que estava dançando nos ensinou, e até arriscamos uns passinhos.

IMG_8588
Carimbó raiz
IMG_8592
O amigo da Ellen, ela, a Mi e eu!

Voltamos pra casa e terminamos de arrumar as malas pra Ilha de Marajó. Na segunda-feira acordamos muito cedo (4h15), e pegamos o busão para o porto. Probleminhas com o troco no busão, chegamos no porto, tomamos um café, e embarcamos.

 

CLIQUE AQUI E CONFIRA O POST – ILHA DO MARAJÓ/PA

 

Ficamos 2 dias na Ilha deMarajó e voltamos para Belém. Desembarcamos, pegamos o circular, e descemos perto da casa da Helen. Compramos umas coisas pro jantar, chegamos na casa dela, e ela logo chegou. A Mi preparou um tacacá, jantamos, a Helen deu um colar muito legal pra Mi, e nós demos um chaveiro do blog pra ela.

Acordamos cedo, tomamos café com a Helen, e nos despedimos. Obrigado pela estadia, passeios e a ótima companhia em nossa passagem por Belém!

Começamos então a volta pelo interior do Brasil. Confira no próximo post.

 

SIGA O REVOLTEIO NAS REDES SOCIAIS:

FACE       INSTA      PINTE      YouTube-icon-400x400

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s