SERRA DA CANASTRA/MG – PARTE 3

Bom, gostamos tanto da Serra da Canastra, que resolvemos voltar. Como estava trabalhando em Guaíra (pertinho da divisa SP/MG), e nossos amigos de Bauru estavam animado para conhecer lá, alugamos uma casa no Air BNB e fomos todos passar um final de semana em Delfinópolis/MG. (Confira os posts Parte 1 e Parte 2 da Serra da Canastra)

Como algumas semanas antes tínhamos conhecido a chamada “parte alta” da Canastra (região que contempla o norte do parque nacional e o platô no alto da serra), resolvemos conhecer a parte baixa (que abrange as cidades de São João Batista do Glória e Delfinópolis.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.50.47 (2)
Pegando a balsa em Cássia

Chegamos na sexta à noite na casa. Que aliás, já valeu o passeio. Uma casa completa para nós, toda de pedra, à beira de um dos braços do Rio Grande (mesmo rio que forma a represa de Furnas). Muito legal a casa, e como estávamos em 7 pessoas (e o Mambo), a diária por pessoa saiu muito em conta.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.50.49 (1)
A casa…
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.50.50
E a vista, maravilhosa!

No sábado, todos à bordo da Jubis (menos o Mambo, coitado… deixamos ele na casa porquê não sabíamos se nas cachoeiras aceitavam animais), e saímos procurar alguma das muitas cachoeiras de lá.

Paramos na Cachoeira do Luquinha, que na verdade é um complexo de cachoeiras.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.51.46 (2)
Jubis, sempre pronta para as aventuras

Pagamos a entrada (R$20 por pessoa, mas choramos um pouco e saiu por R$15 cada) e percorremos uma pequena trilha bem sinalizada em meio ao cerrado. Chegamos à primeira queda, bem gelada como já esperávamos, mas muito bonita! Todo mundo nadou, e ficamos bem à vontade, já que só estávamos nós por lá! Aproveitamos a manhã toda ali.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.51.39 (1)
Primeira queda
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.51.43 (2)
Vista do vale
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.51.39 (2)
Cachoeira do Luquinha

Descemos para o primeiro lago, um pouco abaixo da queda, e continuamos subindo a trilha. Após alguns metros, chegamos à segunda queda, que na verdade são duas, e um laguinho bem cristalino atrás de um muro natural de pedra.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.51.39
Primeiro lago
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.51.44 (1)
Segunda queda – e o Chupacabra!

 

Andamos mais um pouco nas trilhas de lá, e voltamos para a entrada. Pegamos o carro e continuamos o rolê.

Rodamos bastante pelas estradas de terra, entramos em uns brejos, pedras, e com a ajuda do Google Maps e uns palpites, passamos ao lado da Cachoeira da Escada, e seguimos em frente.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.51.47
Cachoeira da Escada

Paramos na Cachoeira da Bateia. É possível chegar com o carro pertinho da cachoeira, que tem entrada gratuita, e não possui estrutura turística.

Bem legal também, e, apesar de não ser muito alta, tem um volume d’água considerável e muito forte. Subimos a queda pelas pedras, que não é muito difícil, e chegamos à parte de cima. Lá tem vários pocinhos para banho e umas formações rochosas bem legais. Alguns metros acima, há uma ponte de madeira sobre o rio, onde é possível parar o carro.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.51.48
Cachoeira da Bateia
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.52.32
Parte de cima da cachoeira
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.52.34 (3)
Nossa turminha
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.52.34 (1)
Parei na ponte e refresquei os pés

Na volta para a casa, já no final da tarde, passamos pelo Condomínio de Pedras, que são formações rochosas muito interessantes ao lado da estrada, que realmente lembram casas e construções.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.52.38 (2)
Condomínio de Pedras
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.52.36
Bem interessante

Também paramos em um mirante com uma vista espetacular!

IMG_3413
Pôr-do-sol
IMG_3412
E a foto da turma!

Chegamos na casa à noite, bem cansados, mas ainda tivemos pique para uma galinhada no fogão à lenha!

Dia seguinte, novamente na Jubis, fomos explorar mais um pouco da região! Dessa vez, levamos o Mambo! Saímos, andamos um pouco e paramos em um rio, muito bonito, água limpinha e cheio de corredeiras, e ficamos um pouco ali admirando.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.02 (1)
Crianças no banco traseiro!
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.01
Riozinho
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.01 (1)
Toda parada aqui vale a pena

Após umas voltas e decisões, seguimos para a Cachoeira do Ouro. Lá, cobram R$20 por pessoa a entrada (e são irredutíveis). Pagamos e começamos a trilha,

A primeira queda é muito alta, e muito cristalina. O fundo do lago é todo de areia.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.04 (1)
Cachoeira do Ouro – Primeira queda

Continuamos subindo. A trilha é bem íngrime, e vai beirando rio. Nas partes mais difíceis, cordas e escadas dão uma ajuda. Seguimos, levando isopor, mochilas, inclusive Mambo e Alana (filhinha de 2 anos de nossos amigos), e dá-lhe subida!

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.10 (1)
Momentos de tensão

Chegamos na segunda queda, também muito bonita.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.07 (1)
Segunda queda
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.04
Mambo, muito fotogênico

Seguimos em frente, vimos mais uma queda linda, e descansamos um pouco. Como o caminho já estava meio complicado, resolvemos descer e curtir a primeira queda, que tem o melhor lago para nadar.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.08
Terceira queda

Bom, todo mundo entrou um pouco na água, mas ninguém ficou muito tempo, porquê a água estava MUITO fria!

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.11
O primeiro lago é o melhor!
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.54.12 (1)
Olha a cor do mambo!

Já na parte da tarde, demos mais umas voltas e resolvemos voltar para a casa. No caminho, paramos em uma pequena represa na beira da estrada, e lá no fundo vimos uma cachoeira muito forte.

Seguimos um pouco de trilha, e como o caminho começou a piorar, as mulheres pararam. Eu e o Yuri seguimos e chegamos até pertinho da queda. Devido à altura e a força da água, não deu para entrar, mas rendeu umas fotos legais.

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.56.48 (1)
Represa
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.56.48
Um zoom na cachoeira
WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.56.49
Olha força da água!

Voltamos pra casa, curtimos um maravilhoso pôr-do-sol na varanda da casa, arrumamos as tralhas e voltamos! Fim de semana show!!!

WhatsApp Image 2019-05-13 at 21.56.52 (6).jpeg
Dispensa legendas!

.

SIGA O REVOLTEIO NAS REDES SOCIAIS:

FACE       INSTA      PINTE      YouTube-icon-400x400

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s